Caminhos de Cristo

Página extra
  

Religião1) como "ligação a cobrar" da pessoa com Deus – nos caminhos com Jesus Cristo.
 1) A palavra Religião vem do Latim re-ligio = Religação; com Deus, que toma forma do mais íntimo de si como também em nós. Comparável a distância com um holograma, se passa também nos grandes.
 

Reconhecimento dos profundos problemas na vida humana.

Como para uma cura através de orações estaria em primeiro lugar também para as contínuas mudanças na humanidade a questão proposta por Jesus "Queres ser curado?" (João 5,6). ou "sabes quais as imperfeições que ainda tens e que devem ser modificadas se quiseres avançar no caminho para Deus?" Uma "pista" pode ser encontrada atrás de condições aparentemente bem simples, raramente consideradas como de carácter religioso. No crescimento de uma criança através da adolescência até a idade adulta são adquiridas novas qualidades, onde muitas vezes são encobertas capacidades inatas. Depois a pessoa pode buscar novamente, com ajuda de suas lembranças e orações, este tipo de experiência natural encoberta. As capacidades criadas são mantidas apesar disso, relaxadas ou dissolvidas novamente durante o amadurecimento do ser. A divisão do ser efectuada na vida através da "Ruptura" espiritual ou externa (no intelecto e vida instintiva emancipada) e nesse meio um centro ainda pouco integrado no "Coração" pode assim ser fortemente reunificada através de diferentes caminhos. Pode ser mostrado que "o Fruto da Árvore do Conhecimento" no Paraíso mítico se relaciona com esta divisão; e que a frase "Se Vós não volveres e tornar-vos como crianças, então não ireis ao Reino dos Céus" se relaciona com um conhecimento profundo da possibilidade de conversão - Jesus em Mateus 18,1-3; Marcos 10,15; Lucas 18, 17. Aqui não se trata apenas de ingenuidade infantil e sim dos princípios básicos do desenvolvimento que está a ser "arquétipo" 2), ou seja amostra básica prescrita, uma parte perdida das „Instruções de Operação" do ser humano. Este caminho pode levar bem além do pensamento consciente actualmente limitado.

2) Arquétipo: um conceito da psicologia profunda de C. G. Jung, etc.; forma básica da existência humana com diversas aparências.

Isto não significa que o ser humano poderia conseguir isso por si próprio sem mais delongas. Jesus oferece um caminho real e a força ou piedade de conseguir faze-lo. Os peregrinos da verdade, místicos e alquimistas cristão trilharam estes caminhos durante a busca da Perfeição (ver por exemplo Mateus 5,48; João 10,34;...) . Muitos outros cristãos tiveram, consciente ou inconscientemente experiências neste campo. E isto independentemente se eles trilharam mais um caminho interno ou colocaram a sua fé no campo social ou se eles unificaram ambos em si próprios, no sentido de, como nós denominamos, "Cristianismo Pleno". Foi buscada a subjugação do desequilíbrio moral interno do ser humano desde há muitos séculos em diversas culturas, também os esforços de alquimistas taoístas, diversos tipos de ioga, etc. dão testemunho perante isto 3).

3) A palavra hindu Ioga, ao pé da letra = "subjugar" significa da mesma maneira a busca de uma reunificação com o Princípio. Isso não significa, que todos os caminhos conduzem à mesma meta.

O "Homem-Deus" ou o ser humano Jesus Cristo enviado por Deus, o „novo Adão" representa o sinal que desde então também os homens podem recuperar novamente suas qualidades originais soterradas; e que chegaram os tempos de colocar nos carris novamente as extravagâncias que se tornaram perigosas neste meio tempo. Ele pode, como um "Caso de Sorte" para a Terra, reunir em si a ligação com a fonte original do sentido da vida Deus e a consciência humana altamente desenvolvida. Ele pôde subjugar as forças da degeneração. Mesmo quando ele indica diferenças para com outras pessoas, ele foi porém a pessoa que pode concluir isto dessa maneira. Dessa forma as pessoas podem imitar facilmente este caminho, especialmente quando se faz isso de maneira consciente. Porém mesmo para aqueles que não sabem nada sobre o Jesus histórico, a sua vida, inclusive a Ressurreição não passa sem efeitos – de maneira semelhante a, por exemplo, quando animais aprendem algo em uma ilha, animais do mesmo tipo em uma ilha distante podem desenvolver rapidamente esta qualidade pois os mesmos têm uma espécie de campo de força conjunto, como reconheceu por exemplo R. Sheldrake.

Um relacionamento interno das pessoas para com Jesus e Deus pode ser efectuado sem intermediação da Igreja, ainda que uma congregação de cristãos apropriada seria de boa ajuda. As teologias contraditórias, que separaram o Ser Cristo em um assistente religioso e um reformista social não são a última conclusão; embora as mesmas ajudem alguns, especialmente quando se conhece diversas teologias. Cada pessoa individual pode, por exemplo, se ajustar a Cristo "em casa" porém também na praça do mercado. Isto pode ser efectuado por um lado com ajuda da lembrança de suas qualidades tradicionais (Evangelhos). Quem porém estiver aberto para o facto que Cristo pode ser sentido mesmo após sua morte (como de outro modo, sem a visibilidade terrena – mesmo também aquelas pessoas que sobreviveram à morte como ser consciente segundo muitas testemunhas), também Cristo pode ser analisado como ser Presente. Este sentido é possível "Em Seu Nome" ou com ele como "Irmão mais velho" para orar ao Deus Pai, que abrange tudo. (ver João 15,16; Mateus 6, 7-15; Mateus 18,19-20). Por exemplo:
 
Deus, minha origem, meu auxílio e minha esperança!
Reuni-me com Jesus Cristos * agradeço-Vos por tudo que venha de Ti;
Perdoai-me pelo que me afastou de Ti **;
Fazei com que me torne criativo neste silêncio através de Teu Espírito ***;
Me levai através de Teu caminho.

*) Quem achar apropriado, pode incluir também Maria. Assim as características masculinas e femininas da pessoa são realçadas.
**)Além disso cada um pode sentir como negativo, como a mesma se apresenta de forma concreta, 1. ser visto internamente (por exemplo: fobias, hostilidade; indiferença e arrogância; dúvidas exageradas, ...ou um problema; também tudo quando apenas aparece em pensamentos ou palavras, ver por exemplo Mateus 5,22). 2. ao invés de pesquisar, aguardar um momento calmo, para se tornar se possível consciente do que se trata. Então o 3. retirar este lastro que se pode sentir corporalmente durante as orações a Deus (além disso é possível transferir o caminho da vida completo a Deus ou Cristo) 4. aguardar calmamente até que se possa sentir eventualmente ou que se ajuste um sentimento de alívio – ou que também entre uma „Resposta" no consciente.
***) No silêncio podem ser analisados os acontecimentos do dia e assim se ter melhor acesso a um processamento ou à oração. Então vai haver maior abertura para coisas novas.

 

O significado da Ética neste caminho.

Um estágio no caminho e o "Amor para com Deus", que está acima de tudo, "e para o próximo como a si mesmo " (Mateus 19,19); também para si próprio, amar a si próprio também pode ser uma parte dos esforços, reconhecer sua tarefa nas imediações. O amor pode ligar a Cristo, porque sua principal característica está ligado com Sabedoria. No caminho das boas ações no sentido de Cristo, muitas vezes os efeitos externos e internos é que tornam o caminho cristão compreensível. Jesus manteve as regras básicas éticas, pois o Homem „colhe (normalmente) o que semeia" (Gal. 6,7); ele porém introduziu mais a Responsabilidade nos indivíduos, ao invés de realçar as leis externas. Com isso se pode vivenciar que existe algo no próprio interior das pessoas mesmo que se possa sentir apenas como pensamento, que está em harmonia com Cristo, onde acontece uma espécie de „Renascimento" (João 3). Ou seja: no decorrer do tempo a pessoa sempre se torna mais harmónica com o espírito, como Cristo já o fez. Este ponto de partida no interior pode ser vivido no coração ou na alma/espírito, os tipos de experiências são diversificados individualmente. Como os indivíduos vivenciam o Cristo ou as forças combinadas com Ele, faz sentido chama-las com a maior frequência possível na consciência, que já pode ser do conhecimento de maneira individual para que possa ser efectuado um contacto mais directo, mesmo que não seja detectado nenhum violento efeito de imediato.

Com a força que se desenvolve no interior da pessoa, pode-se ligar com a força curativa universal próxima do Cristo ou Deus "externo" Também aqui o tipo de experiência individual pode ser muito diversificado, porém será neste caso clara e terá influências respectivas no meio ambiente. Enquanto isto esteve limitado até agora a poucos, que eram denominados de "Místicos", "Santos", etc., tais aparições podem ser espalhadas a pessoas simples nos nossos tempos "apocalípticos", o que possivelmente nem sempre é reconhecido no seu significado, por isso deve ser citado aqui. Este efeito universal "de fora" será ou recebido ou ricocheteia em determinadas circunstâncias de forma dolorosa na barricada daqueles que não desabrocharam algo semelhante no seu interior – de maneira que neste caso pode ser sentido como "Juízo".
 
Guiai-me de maneira que eu não prejudique outros no caminho para Ti;
Guiai-me, para que ajude outros no Teu sentido;
Protegei-me no meu caminho; *
Ajudai-me para uma maior harmonia com Teu Amor.

*) Aqui podem ser incluídos outros.

 

Um desenvolvimento em maior, nas culturas desde a pré-história.

Como nos estágios de desenvolvimento de criança até adulto maduro (ver acima) também se passaram estágios de desenvolvimento semelhantes nas culturas humanas. Isto trouxe por um lado novas capacidades (um Sentir e Pensar livres), por outro lado foi reduzida a sua confiança original com a "Criação", e com isso acumularam-se problemas. (ver por exemplo, Jean Gebser, "Ursprung und Gegenwart" (Origem e Presente): em sequência consciência do pensamento arcaico, mágico, mítico; além disso pode-se desenvolver uma consciência mais integrante que por exemplo pode ser denominada Consciência Racional). Também exemplos fascinantes exerceram influências nisto, de maneira que os passos de desenvolvimento como puderam ser reconhecidos como frutíferos, no mínimo desabrocharam culturalmente de forma abrangente. Isto aconteceu apesar de todas adversidades, porém, como já citado, muitas vezes com enormes perdas. Nos tempos mais recentes já é visível que a humanidade e seus povos, etc., estão a frente do desafio do destino de efetuar "Saltos Quânticos" maiores ou menores ou aplicar teorias evolucionárias, caso queiram sobreviver 4). Estas foram criadas a aprox. 2000 anos. Isto deve acontecer agora mais às custas das capacidades aprendidas como do pensamento. Quando suficientes indivíduos desenvolverem uma consciência racional unificada, se ligarem com sua origem divina 1), a corrida contra as catástrofes apocalípticas ainda poderá ser vencida com ajuda „de cima". Isso inclui também um relacionamento com os movimentos activistas externos como os movimentos pela Paz, etc.; todas as pessoas de boa fé terão o seu sítio "necessário" neste "Jogo". Muitas pessoas – transversos a movimentos/direcções religiosos estabelecidos - parecem buscar isto; elas vão ao futuro e ajudam a processar o passado, mesmo que ainda muitas coisas "medíocres" pareçam imperar. É como a questão da galinha e o ovo, se a Salvação externa é a meta ou o é o avanço da consciência e do Ser humano existencial. As escalas de valores anteriores devem ser transformadas sem mais demoras, porque a pessoa pode imaginar exactamente aonde a continuação do programa anterior obsoleto levaria. Como tudo é parte de um todo, cada boa ação tem efeito sobre este todo.

4) O ponto de vista pessimista no último livro de Herbert Gruhl "Himmelfahrt ins Nichts" (aprox. Comando suicida ao nada) não pode ser aprovado porque pôde ser sensoreada uma fonte de desenvolvimento ou de força que não foi identificada por ele, que apresenta apenas uma chance: Deus.
 
Inspirai as pessoas a deixar decisões sobre a vida e morte em Tuas mãos *;
Ajudai aqueles que trabalham para Tua Criação;
Guiai este mundo para a passagem para Teu novo tempo anunciado.**

*) aqui podem ser incluídos detalhes, ou depois processados de maneira meditativa, como "Encerrar o balanço de violência e contra-violência", „remover a violência através de soluções de problemas de um de seus princípios básicos", "efectuar um diálogo amistoso entre os de boa vontade das outras religiões", ... **)Lucas 11:2; 21:31. Apocalipse 11:16. Deus pode dividir o Amor que for dado a Ele.

Está próximo um "Retorno" para Deus.

Importantes não são principalmente os ideais humanos acerca da religião, mas a verdadeira ligação vivida com Deus.

João 16,12-13: Ainda tenho muito a dizer-vos, porém vós não suportariam ainda isto.
Quando chegar o Espírito da Verdade, Este irá comunicar-vos toda a Verdade." Pois ele não falará por si próprio e sim o que ele ouvir, ele falará e irá anunciar o que está por vir no futuro.

 

Retornar para a página inicial da CaminhosdeCristo.net

Caminhos de Jesus Cristo, suas contribuições para a consciência humana e para a modificação da Humanidade e Terra:  uma página informativa independente com novos pontos de vista em diversos sectores de experiência e pesquisa; com indicações prácticas para o desenvolvimento pessoal.